Faixa: 160 metros
Freqüência: 1.800 a 1.850 kHz

Freqüência própria para curtas distâncias, especialmente no litoral. As ondas se propagam pela superfície alcançando além do horizonte.
Inconveniente: Antenas muito compridas limitam a sua utilização.
Antena recomendada: Dipolo 2 x 40m ou antena tipo (long-wire) fio comprido, (mais de 10 metros) na horizontal 6m sobre o solo com acoplador.

Faixa: 80 metros
Freqüência: 3.500 a 3.800 kHz

Freqüência própria para distâncias até 200 Km, muito usada para rodadas locais.
Inconveniente: Antenas muito compridas limitam a sua utilização.
Antena recomendada: Dipolo: 2 x 20m. Vertical haste de 20m com 4 radiais de 20m

Faixa: 40 metros
Freqüência: 7.000 a 7.300 kHz

A faixa predileta dos radioamadores foneros para curtas e longas distâncias, com boa propagação vai até 1.000 Km. É a faixa mais utilizada no mundo todo.
Antena recomendada: Um dipolo (2 x 10m) ou uma vertical com bobinas e radiais quebram o galho.

Faixa: 30 metros
Freqüência: 10.100 a 10.150 kHz

Faixa especial para CW. Para suprir o intervalo entre os 40 e os 20 metros, na média distância. Própria para DX é quase exclusivamente usada pelos dexisistas.
Antena indicada: Antena direcional de 2 ou 3 elementos.

Faixa: 20 metros
Freqüência: 14.000 a 14.350 kHz

Considerada como faixa nobre, pois oferece melhor cobertura mundial e, é freqüentada pela maioria dos radioamadores do mundo.
Antena indicada: Antena Direcional com 3 ou mais elementos é a recomendada para esta faixa. Dipolos (2 x 5m) ou verticais quando a propagação está aberta também funcionam.

Faixa: 17 metros
Freqüência: 18.068 a 18.168 kHz

Faixa especial para CW.Veio suprir o intervalo entre os 20 e os 15 metros, na longa e media distância.
Antena indicada: Antena direcional de 3 ou mais elementos é recomendável.

Faixa: 15 metros
Freqüência: 21.000 a 21.450 kHz

A faixa  15 metros são marcadas as freqüências e horários dos contatos familiares através do mundo, rodadas semanais de amigos e parentes. Substitui os 20 metros com vantagem quando a propagação está aberta.
Antena indicada: Antenas direcionais de mais de 3 elementos é recomendável.

Faixa: 12 metros
Freqüência: 24.890 a 24.990 kHz

Faixa especial para CW, assim como as de 17m e 30m.

Faixa: 11 metros
Freqüência: 26.905 a 27.605 kHz

Faixa especial para os operadores de rádio da Faixa do Cidadão, os PX, em operações com finalidades especificas o prefixo PX também é utilizado pelos radioamadores.

A freqüência de 27 MHz, gerada pelo terceiro harmônico de 9 MHz produzindo os segundo e terceiro harmônicos em 54 e 71 MHz (TV canais 2 e 5), causando as interferências, por esta razão a potência de transmissão dos equipamentos homologados para 11 metros é limitada a 7 watts AM.

A faixa do Cidadão, 11 metros, foi criada e regulamentada em 1970. Antes, o caminho natural era a Rede Brasileira de Radioamadores.

A Faixa dos 11 metros, fala-se em linha reta até 20 km e, na propagação acima de 2.000 km.

Faixa: 10 metros
Freqüência: 28.000 a 29.700 kHz

Distâncias de mais de 30 km até 1.000 km, normalmente não há possibilidade de contato, entretanto, existem situações extremamente raras onde uma estação ouve a outra dentro destas distâncias.

Antenas verticais de 5/8 de onda (+3dB) são o que de melhor existe nestas faixas. Antenas direcionais com mais de 4 elementos para o dexisista é uma boa opção.

Faixa: 6 metros
Freqüência: 50.000 a 54.000 kHz

A freqüência dos pacientes. Contatos próximos só onde ha visada. A Propagação normalmente abre e fecha tão de repente que mal dá para se fazer um QSO. Existem os “beacons” para acompanhar a abertura da propagação. Você deixa o receptor sintonizado na freqüência do beacom da zona em que V. quer falar e ao aparecer o sinal começa a chamar.

Faixa: 2 metros
Freqüência: 144.000 a 148.000 kHz

Tudo o que se possa pensar em radiocomunicação, os 2 metros oferecem. Por esta razão é a atual faixa de acesso de mais de 50% dos interessados em radiocomunicação. Contatos diretos em linha de visada vão até 50km ou mais.Nas propagações esporádicas consegue-se contatos até 1.000km. Estas estações que a gente nem sabe onde estão, porem as ouve com toda a clareza, em casa, no carro e até na rua, como se fosse um telefone celular.

Faixa: 1,44 metros
Freqüência: 220.000 a 225.000 kHz

Freqüência similar aos 2 metros no comportamento, porem, pouco utilizada pela falta de equipamentos. Antenas Verticais de ganho e direcionais com mais de 4 elementos são aconselháveis.

Faixa: 70 centímetros
Freqüência: 430.000 a 440.000 kHz

Faixa similar aos 2 metros porem, muito critica. Requer equipamentos mais sofisticados, inclusive as antenas. Pouco utilizada. Em veículos leva vantagem sobre as outras faixas. Antenas pequenas e com bom rendimento.

Faixas decamétricas para uso em base secundária
Freqüências: 902 a 928 mHz, 1.240 a 1.300 mHz, 2.300 a 2.450 mHz, 3.300 a 3.500 mHz, 5.650 a 5.925 mHz, 10,00 a 10,50 gHz, 24,00 a 24,25 gHz, 47,00 a 47,20 gHz, 75,50 a 81,00 gHz, 142 a 149 gHz, 241 a 250 gHz, 275 a 400 gHz.

São consideradas em base secundária pelo compartilhamento com entidades privadas e do governo. Links de estações de rádio e TV, antigamente, e agora as transmissões de dados, poderão ser encontradas ou interferidas e, neste caso o radioamador é que tem de mudar de freqüência. Transmissões de ATV utilizam as duas primeiras faixas (900 e 1200). Antenas diretivas de alto ganho são utilizadas.




Comentários

Leandro on 27 janeiro, 2011 at 11:09 #

Parabéns pelo artigo. Muito claro e interessante.


Carlos Ugulino on 28 março, 2011 at 21:08 #

Parabéns pela inciativa.Excelente artigo.


joão a santos on 21 abril, 2011 at 13:32 #

gostei muito claro e objetivo.


Bone on 3 outubro, 2011 at 16:52 #

1. Faixa 30m: 10138 a 10150 kHz
( O “k” é um prefixo grego, e deve estar em minúsculas )

2. Faixas Decamétricas **não são** um sinônimo para “faixas secundárias” ou superiores a 900 MHz como se **infere** no texto, mas sim a relação que existe entre as faixas dos radioamadores como múltiplos inteiros (160m divide por 2 é 80m, divide por 2 é 40m, etc)

3. A Faixa de 11m é do Serviço do Rádio-Cidadão já que o termo “radioamador” **juridicamente** falando é daqueles que détem a efetiva posse do COER.
Note-se que **em juízo** sem um COER ninguém pode se “auto-proclamar” radioamador pois é ILEGAL !

Saudações,
PP5VX (Bone)
http://www.qrz.com/db/pp5vx


gerson f on 7 outubro, 2011 at 10:33 #

obrigado pelos exclarecimentos,bem detalhados e simples de entender,sou radio amador e o gosto ta no sangue.


osvaldo kentermann on 18 outubro, 2011 at 22:06 #

foi muinto util para min


Jadilson on 18 dezembro, 2011 at 14:32 #

gostei,tira duvidas sem complicar.


PP2CD (Celso) on 5 abril, 2012 at 15:35 #

Parabéns pela divulgação destes conhecimentos. Acho que auxilia muitos colegas radioamadores.


Júnior on 13 abril, 2012 at 5:25 #

Olá amigo, o que você queria dizer com propagação (na faixa dos 11 m)? É a colocação de antenas e amplificadores?


Estrela Flamejante on 19 maio, 2012 at 23:49 #

Estive munitorando esse QSO e gostei muito. Como Px falei muito longe, muuiito mesmo. Falei com a Africa do Sul, com uma empresa brasileira de construção. Estava eu em Fortaleza e varias vezes, por volta das 5:30 às 6:30 hrs,. Tambem de Fortaleza, falei com SP, RJ, Manaus, Campo Grande-MS ( hoje meu QTH, SP (S J Rio Preto, Lins, Bauru, Aaçatuba, San Jose ARG, e alguns mais. Matei tambem muitas moscas brancas, como Belem, São Luis- MA, e uma bem grande – Portugal. `´E muito gostoso e emocionante. Um forte e TFA 73


Paulo on 30 maio, 2012 at 20:51 #

Boa noite
Estou querendo comprar dois rádios na faixa cidadão, mais gostaria a opinião dos amigos, um é para ser instalado em Salvador área do Cabula, a outra para ser instalada em Cachoeira cidade do interior distante de Salvador + ou – 130 km o que vocês indicam para funcionar bem nesta faixa, pois celular entre esta cidade é péssimo. E seria para contato com meu filho.
Atenciosamente
Paulo


Jose Carlos on 29 julho, 2012 at 12:39 #

Muito bom o site, esta de parabéns, pois tirou muitas duvidas minha em relação as faixas de frequências e as antenas apropriadas para cada uma. Nota 1000 !!!!!


alexandre on 1 novembro, 2012 at 10:24 #

Sou mecânico de aeronaves , e as vezes eu tenho ficuldade de testar rádio HF das aeronaves………..Alguen conhece uma frequencia que eu consiga me comunicar pra teste em são paulo


marcio on 1 março, 2013 at 10:26 #

Olá amigos, qual a faixa que alcança a maior distância?? PY1 MSB.


nuno on 6 março, 2013 at 18:08 #

ja percebi melhor isso dos mts w ate a apontei para nao me esquecer


manoel on 9 junho, 2013 at 17:26 #

voce conhece a antena opek 400b ea opek600b qual a diferença das antenas


manoel on 9 junho, 2013 at 17:27 #

voce conhece a antena opek 400b ea opek600b qual a diferença das antenas mas nao obtive resultado por favor


fernando on 10 agosto, 2013 at 15:06 #

parabens pelo artigo!
são pessoas como vc que nos deixa cada mais interessados nesta modalidade tão interessante e fascinante…
forte 73……..parabens mais uma vez.


Nelson on 22 setembro, 2013 at 20:56 #

A citada faixa dos 11 metros não faz parte do Radioamadorismo, o qual exige certificacão, provas e aprovação em exames, além de ser dividido em classes C, B e A.
Os 11 metros fazem parte da chamada Faixa do Cidadão, mais conhecida por “PX”, e não requer nenhum tipo de comprovação técnica para que possa ser explorada. São serviços com finalidades diferentes.
Abç.


Deixe um comentário
Nome:
E-mail:
Website:
Comentário: